Somos ansiosos por nada

O objetivo desse título é chamar a sua atenção, apesar disso, há uma grande verdade nele. Sim, nossa geração é extremamente ansiosa por motivos que não são importantes de fato, mas que foi criada uma importância desnecessária que prejudica muitas pessoas atualmente. Seria por conta da tão comentada transformação digital? Talvez. Mas eu creio que essa mudança no nosso estilo de vida onde o mundo digital está cada vez mais presente seja apenas a ponta do iceberg.

Não quero ser científico neste texto trazendo definições acerca da psicologia ou qualquer outra área, meu embasamento será totalmente bíblico, apesar de respeitar todos os estudos sobre a ansiedade que são totalmente válidos.

Quero que você, leitor, chegue no seguinte ponto de reflexão, alguma vez, você já parou para refletir sobre as situações que te deixam ansioso? Vou citar alguns exemplos: questões estéticas como a busca pela aparência ideal ou o corpo perfeito, ser rico e poder comprar o que quiser e ter liberdade financeira, ser reconhecido por diversas pessoas, entre outros, são motivos que deixam as pessoas ansiosas quando não os conquistam e veem pessoas que os possuem (apesar de acreditar piamente que todo padrão de beleza é criado e imposto por outrém, não sendo válido como meio comparativo para qualquer situação).

Com a internet ficou fácil se tornar ansioso, observando o estilo de vida de pessoas que tem uma realidade completamente diferente da sua – na maioria das vezes a qual você gostaria de ter -, gerando não inveja, mas sim uma síndrome de inferioridade e não merecimento. Mas isso não somente graças a internet, é algo que sempre existiu, e Salomão na Bíblia deixa bem claro no livro de eclesiástes:

Vaidade de vaidade, diz o Pregador. Vaidade de vaidade, tudo é vaidade. (Eclesiastes 1:2 TB)

Em algumas traduções podemos substituir a palavra vaidade por ilusão. Mas afinal, que seria a vaidade? Em sua definição temos:

  • qualidade do que é vão, vazio, firmado sobre aparência ilusória.
  • valorização que se atribui à própria aparência, ou quaisquer outras qualidades físicas ou intelectuais, fundamentada no desejo de que tais qualidades sejam reconhecidas ou admiradas pelos outros.

Vaidade se trata do que é vão. Relacionamos geralmente vaidade à aparência, o que não é errado, mas não se trata somente disso. Todos os méritos que queremos, reconhecimento, riquezas, poder, tudo isso é vaidade de acordo com Salomão. E ele reforça sua sábia opinião nos seguintes versículos:

Então resolvi me divertir e gozar os prazeres da vida. Mas descobri que isso também é ilusão. Cheguei à conclusão de que o riso é tolice e de que o prazer não serve para nada. Procurei ainda descobrir qual a melhor maneira de viver e então resolvi me alegrar com vinho e me divertir. Pensei que talvez fosse essa a melhor coisa que uma pessoa pode fazer durante a sua curta vida aqui na terra. Realizei grandes coisas. Construí casas para mim e fiz plantações de uvas. Plantei jardins e pomares, com todos os tipos de árvores frutíferas. Também construí açudes para regar as plantações. Comprei muitos escravos e além desses tive outros, nascidos na minha casa. Tive mais gado e mais ovelhas do que todas as pessoas que moraram em Jerusalém antes de mim. Também ajuntei para mim prata e ouro dos tesouros dos reis e das terras que governei. Homens e mulheres cantaram para me divertir, e tive todas as mulheres que um homem pode desejar. Sim! Fui grande. Fui mais rico do que todos os que viveram em Jerusalém antes de mim, e nunca me faltou sabedoria. Consegui tudo o que desejei. Não neguei a mim mesmo nenhum tipo de prazer. Eu me sentia feliz com o meu trabalho, e essa era a minha recompensa. Mas, quando pensei em todas as coisas que havia feito e no trabalho que tinha tido para conseguir fazê-las, compreendi que tudo aquilo era ilusão, não tinha nenhum proveito. Era como se eu estivesse correndo atrás do vento.
(Eclesiastes 2:1‭-‬11 NTLH)

Lendo essa passagem, percebemos que Salomão tinha tudo o que a maioria das pessoas deseja: reconhecimento, riqueza, luxúria e uma companhia (o quantas quisesse). Utilizou de todos os seus recursos (que convenhamos, eram muitos) para suprir um vazio e entender como ele deveria aproveitar a sua vida e o seu tempo (único recurso limitado que ele tinha). Conclusão? Percebeu que tudo era vaidade, ilusão ou como você quiser chamar.

Se sente frustrado porque não tem a quantidade de dinheiro que gostaria? O “corpo perfeito”? Ou o devido reconhecimento? Saiba que ao conquistar isso continuará frustrado se não entender quem você realmente é em Deus, e se entender quem você realmente é em Deus, não irá se frustrar com essas ilusões.

Ou seja, devo parar de cuidar da minha aparência? Devo parar de almejar grandes riquezas? Não posso ser reconhecido? Entenda, você pode conquistar reconhecimento, ganhar dinheiro (e deve, até porque vivemos em um mundo capitalista) e cuidar da sua aparência, em momento nenhum Salomão diz que isso é uma proibição divina, ou um pecado fazê-lo, ele apenas deixa claro que correr atrás disso como se fosse a única coisa importante da vida é desnecessário, perda de tempo.

Nós somos ansiosos (sem generalizar), pelas vaidades da vida. Em Deus não temos ansiedade, porque sabemos que ele supre todas as nossas necessidades.

Portanto, ponham em primeiro lugar na sua vida o Reino de Deus e aquilo que Deus quer, e ele lhe dará todas essas coisas. (Mateus 6:33 NTLH)

Na minha opinião como escritor, tudo o que está além da necessidade é vaidade. Que esse texto possa fazer com que você reflita em suas prioridades, deixe as vaidades em segundo plano e priorize o Reino de Deus. E lembre-se, cada um tem a sua velocidade nas conquistas da vida, não é porque alguém já conseguiu que você não irá. Persista.

Deus te abençoe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s