Como o coaching mudou minha vida

Quem me acompanha já sabe que sou formado em coaching, uma profissão que visa aumentar a performance de indivíduos e organizações para atingir resultados de acordo com os seus objetivos, tudo isso através de técnicas e ferramentas cientificamente comprovadas, ou seja, funciona para todos que estejam dispostos a realizar o processo. Alguns anos antes de me formar como coach, eu participei de um processo de coaching como cliente. Sem sombra de dúvidas foi um marco em minha vida, o ponta pé inicial que eu precisava para perceber o quão importante era o autodesenvolvimento, além das conquistas que consegui durante o processo, por exemplo a descoberta do meu propósito de vida e a criação e execução de planos de ação para alcançar os meus objetivos.

Eu sempre fui aquela pessoa que tinha várias ideias, começava todas e não terminava nenhuma. Procrastinava em grande parte das tarefas, e na primeira dificuldade ou risco, eu desistia. Dizia para mim mesmo que aquilo não era para mim e ia para a próxima ideia. Não tinha consistência. Logo, por consequência não tinha resultados e vivia frustrado por não conseguir conquistar o padrão de vida que eu desejava. Queria ter mais tempo com minha família e amigos, mais tempo para me dedicar aos meus hobbies e aos meus projetos pessoais. A falta de conhecimento me impedia de conquistar tudo isso, porém esse conhecimento que me faltava não era técnico, mas sim o autoconhecimento.

O processo de coaching (quando individual) é totalmente voltado para o indivíduo e seus objetivos. Assim que comecei o processo, me lembro até hoje o meu primeiro choque de realidade que serviu como um sinal de que eu estava no caminho certo. Meu coach me fez uma pergunta: “Gabriel, me fale um pouco sobre você?” Essa pergunta ecoou em minha mente durante uns 2 minutos e eu não sabia o que responder, eu achava que me conhecia bem, mas na verdade não sabia quase nada sobre mim. Não era timidez, eu realmente não sabia o que responder.

Insight: Quando olhamos para nós mesmos com nossos próprios olhos, vemos o que estamos acostumados e o que acreditamos sobre nós, mas quando nos olhamos como espectadores, percebemos coisas sobre nós que nunca imaginaríamos. É ai onde está a diferença entre o que você fala e o que você faz.

Ao decorrer do processo de coaching através das ferramentas e perguntas poderosas que o coach me fazia, fui descobrindo sobre o meu perfil, o que eu necessitava melhorar e as qualidades que eu já carregava durante anos que nunca imaginaria ter. Quando descobrimos nossas qualidades e pontos a melhorar é incrível, pois a partir desse pressuposto começamos a entender o porque em determinadas áreas prosperamos e nas outras não. Assim, podemos trabalhar em nossos pontos a melhorar e desenvolver nossas qualidades, conseguindo assim uma melhora em todas as áreas de nossas vidas que estão defasadas.

Após o término do processo de coaching, eu comecei a me sentir confiante em tomar minhas próprias decisões sem necessitar das aprovações de terceiros, além de estar mais confiante em realizar os meus objetivos, já que agora sabia quais eram os meus pontos fortes e como eu poderia utilizá-los ao meu favor e também onde eu necessitaria ter mais atenção. Hoje em dia, tenho mais consistência em meus objetivos, minhas decisões são mais seguras e assertivas, e claro, continuo dia após dia buscando ser melhor e me conhecer cada vez mais, já que o autoconhecimento não tem fim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s